Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Simples Poemas

Este blog é um local onde partilho os poemas que vou criando, faço-o por puro prazer e diversão. Posto um pouco de tudo, principalmente acerca de sentimentos, emoções e momentos.

Simples Poemas

Este blog é um local onde partilho os poemas que vou criando, faço-o por puro prazer e diversão. Posto um pouco de tudo, principalmente acerca de sentimentos, emoções e momentos.

10
Ago09

Etérea

Sara Oriana

Sonho, sonho com tantas coisas,

Deixo as desvanecerem-se a minha volta

Quero vive-las a todas

Mas quando aparecem as que realmente quero

Hesito e deixo-as ir, tonta...

E sento-me, lamento-me e espero

 

Sinto-me perdida no meu próprio espaço

Queria sair daqui por um pouco,

Queria poder afastar-me dele só por um pedaço

Mas ele envolve-me e acompanha-me, e tudo perco

Bola de ar que torna o meu mundo lento

E cá vai mais um lamento

 

Mas eu espero, espero por outra oportunidade

Outra oportunidade de sair daqui

Uma para poder viver. Prende-me, esta tamanha liberdade

A minha vida acalma até ao âmago, e não há nada aqui

Sou consumida pelo meu mundo, consumida por mim

Eu não preciso de paz, mas intensas complicações até ao fim.

05
Ago09

Um belo caminho que me leva a lado nenhum

Sara Oriana

Um belo caminho que me leva a lado nenhum

Ou levaria se o seguisse, se o pisa-se, se o percorre-se

Mas eu quero percorre-lo, passo a passo, saborear cada um

E os conselhos atormentam-me, mas é como que me esquece-se

 

Começo mesmo a andar, mesmo a caminhar

Penso em tudo, e no fim, bem no fim

Sei que o vou caminhar, porque não me interessa aqui ficar

Pois mesmo assim, lado nenhum, há de ser algum lugar

 

Bom ou mau, quero vê-lo descobri-lo decifra-lo

E depois? Depois é futuro e lá logo me chateio

03
Ago09

Hoje sou feliz

Sara Oriana

Hoje sou o vento quente que acarinha as folhas, sou eu aquela brisa quente, que a todos toca que a todos acarinha, sou paz, sou felicidade, sou uma criança perdida no meu próprio mundo.

Não me canso de amar tudo, não me canso de aproveitar, não me canso de viver nem por um segundo.

Sou a luz da lua que brilha por entre as ondas brandas de uma noite de Verão, cintilando tenuemente entre a escuridão do mundo, conjuntamente com todas as outras luzes. Sou-o porque o quero ser, porque o sinto nas veias, porque me amo, e por isso amo o mundo em meu redor. Nada importa nada interessa, somente eu, somente o mundo. Somente aqueles pequenos momentos que a vida nos dá para ver, para viver, somente os detalhes, as cores cintilantes provenientes de um candeeiro de rua. A vibração do verde nas folhas ao sol, o azul ciano brilhante do céu, a noite escura e todas as suas estrelas.

Tudo isto, todo este conjunto inspira-me. eleva-me, acalma-me e fascina-me.

Hoje sou feliz.

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D